Como se destacar no mercado de arquitetura – 5 dicas para ser um bom arquiteto

Publicado em 16 de fevereiro de 2022
dicas para ser um bom arquiteto

Se tornar um arquiteto é o sonho de muitas pessoas desde quando eram crianças. Na teoria, ele é o profissional que atua no planejamento e na organização de espaços internos ou externos. E muita gente consegue realizar o sonho. Mas, como se destacar no mercado da arquitetura?

Afinal de contas, cada vez mais novos arquitetos nascem das várias faculdades do país. Então, como vencer a concorrência? Como conseguir uma vaga de trabalho incrível em uma grande empresa? Apesar de não existir uma única resposta, nós temos 5 dicas que fazem sentido!

5 dicas para ser um bom arquiteto

Saber o que é preciso para ser um bom arquiteto não vai muito além do que você já imagina. Ou seja, a formação, o estudo, a teoria, as competências, etc. No entanto, existem outros pontos que vão além dessa ideia de ter o conhecimento.

Por exemplo, entender o que o cliente quer encontrar como resultado ou se especializar em uma área que poucos profissionais conhecem a fundo. Isso faria uma diferença e tanto na hora de montar o seu currículo, não é? Então, acompanhe as dicas valiosas que estão abaixo.

1 – Conheça os seus clientes e futuros clientes

Um bom arquiteto pode saber muito sobre técnicas e detalhes da arquitetura. No entanto, isso não basta. Para ele ter sucesso na carreira, com certeza, entender os seus clientes vai ser essencial. Isso porque a arquitetura não é como uma conta matemática, isto é, exata.

dicas para ser um bom arquiteto

Essa área exige muita criatividade. Porém, não basta você criar a melhor peça ou o melhor ambiente do mundo se isso for feito para a pessoa ou para o projeto errado. É fácil entender a questão: para cada projeto ou pessoa, é necessário um ambiente ou uma peça perfeita.

Entende que conforme muda o cliente muda o resultado? Então, não se pode generalizar conceitos e nem técnicas dentro da profissão. As ideias para arquitetos só vão fazer sentido quando você entender o seu cliente, que pode ser pessoas, empresas, grupos, etc.

2 – Aprimore as competências profissionais

Outro detalhe que é muito mais “humano” do que técnico é esse daqui, sobre as competências. Na arquitetura, um dos grandes desafios é conseguir traduzir em palavras as suas ideias. Afinal, é uma área que usa as imagens, os cenários e o que pode ser visto.

E por mais que você tenha uma ideia incrível, se você não somar isso a outras habilidades, você pode não se tornar um bom arquiteto. Ok, mas de quais competências estamos falando? Todas que tem a ver com o profissionalismo.

Por exemplo, da pontualidade até a comunicação clara. Agora, é óbvio que essas competências só vão fazer sentido a partir das suas habilidades de arquiteto. Por isso, continue lendo para saber mais dicas sobre como se destacar no mercado de arquitetura.

3 – Aprenda o básico da arquitetura

A verdade é que não dá para ser um arquiteto sem estudar arquitetura, certo? No Brasil, nós temos leis que dão os títulos aos profissionais. Mas, a verdade é que não devemos nos atentar apenas a esse certificado ou diploma.

dicas para ser um bom arquiteto

A ideia aqui é que você realmente aprenda o básico da arquitetura porque é isso que vai dar base para você atuar no mercado de trabalho. Muitas vezes, grandes aprendizados vêm de grupos de estudos e de palestras e outros eventos, como cursos extras.

Desde o começo da carreira, a vida de arquiteto não deve ficar apenas na sala de aula ou nos livros. Colocar as ideias em prática é um grande diferencial que torna possível o profissional adquirir experiência e um olhar analítico para os seus futuros trabalhos.

4 – Especialize-se para vencer a concorrência

Depois disso, se você entender a arquitetura de verdade, então, é hora de pensar em ter os diferenciais de mercado. E a especialização é um deles. Isso porque o objetivo é direcionar o profissional para uma determinada área que exige conhecimento mais aprofundado.

Quer um exemplo bem real disso? Você sabe o que é plantscaping? Recentemente, nós falamos sobre isso aqui no blog. De maneira muito resumida, saiba que é um conceito que inclui o paisagismo interior em vários ambientes. Incrível, não é? Leia a matéria completa aqui.

Outras ideias de áreas em alta na arquitetura são:

  • Urbanismo
  • Interiores
  • Paisagismo
  • Luminotécnica
  • Mobiliário
  • BIM
  • Projeção
  • Projetos 3D

Com isso, será possível apresentar resultados extraordinários para os seus clientes. Porém, observe que é um tipo de conhecimento que vai exigir conhecimento teórico e prático. Inclusive, na hora de pensar em soluções e no uso de materiais de qualidade para a obra.

5 – Saiba usar a tecnologia a seu favor

Outra dica que faz todo sentido para quem quer se destacar no mercado de trabalho da arquitetura é sobre o uso da tecnologia. Atualmente, existem muitos softwares para essa área. Eles ajudam na otimização de tempo e na criação de projetos mais dinâmicos.

dicas para ser um bom arquiteto

Sabe aquela reflexão que fizemos acima sobre conseguir traduzir em imagens fixas uma ideia complexa de um projeto completo? Então, esses programas fazem isso se forem usados da forma correta. Por isso, valem a pena!

Para o dia a dia de trabalho de um arquiteto, algumas ideias de programas são: Autocad, Revit, Sketchup, entre outros. Fora isso, existem os renderizadores, como o Vray e o Lumion.

Dica bônus: continue estudando!

E se há uma boa dica para terminar esse conteúdo é estudar sempre. Afinal, o mercado da construção civil, dos projetos e da arquitetura como um todo se moderniza e se atualiza a cada novo instante.

Dessa forma, só o arquiteto que se mantém informado é que consegue acompanhar as mudanças. Aqui na Cercas Cattoni, nós temos um blog onde criamos conteúdo de qualidade todas as semanas.

Por exemplo, há dicas de negociação com fornecedores, a criação de áreas de para pets, as tendências da arquitetura moderna e muito mais. Você pode ler todas as matérias aqui e pode fazer uma cotação online para saber dos serviços que prestamos no link abaixo:

dicas para ser um bom arquiteto

Escrito por:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *