Empresa certificada é garantia de excelência no cercamento

Publicado em 20 de agosto de 2019
Empresa certificada é garantia de excelência no cercamento

Neste artigo, falaremos sobre as certificações que as empresas de cercamento precisam conquistar e de como isso é importante na hora em que o cliente vai escolher a empresa. Ser empresa certificada mostra qualidade nos produtos e serviços oferecidos.

Para as empresas que querem melhorar os processos, serviços, produtos e visibilidade nos cenários nacional e internacional, as certificações são de fundamental importância. Elas carregam um valor agregado ao que já é bom.

A certificação passa pelo financeiro, pelos colaboradores, no que diz respeito ao desenvolvimento pessoal, e pela organização dos demais itens e processos. Ela ajuda, de maneira ímpar, o empresário nos quesitos atendimento aos clientes e parte burocrática. Ainda, traz benefícios e mostra que a empresa certificada é de confiança e tem o compromisso com a qualidade.

Uma das certificações sobre o qual iremos comentar é o Programa de Excelência em Cercamentos – PEC, concedida pela Belgo Bekaert Arames (Arcelor Mittal), líder mundial em soluções para cercamentos. Trata de conceitos da gestão, unidos à qualidade dos produtos e serviços, segurança, meio ambiente e os princípios éticos e morais. Um programa de gestão de qualidade que utiliza as mesmas essências e requisitos definidos pela Norma ISO-9001, concedida pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

Bem-estar e excelência fazem parte das empresas certificadas, em especial, o selo do PEC traz benefícios tanto para o cliente quanto para o colaborador. Saúde e respeito são temas-chave para que o atendimento seja destaque no negócio, sempre levando em consideração o cuidado ao meio ambiente.

Mas você deve estar se perguntando, realmente é necessário que uma empresa que venda cercamento precisa ser certificada?! Claro que sim, uma cerca não pode apenas ter beleza e ter o objetivo de isolar locais. Ela tem que ser segura. Quando falamos em cercas residenciais, estamos dando destaque à segurança de nossos familiares. Na empresa, de nosso colaboradores e clientes. A qualidade e a segurança são requisitos que apenas empresas certificadas podem garantir.

A Certificação PEC e seus requisitos

Qualidade dos produtos e serviços

Há tempos que a preocupação com a qualidade de bens e serviços é um dos pontos principais de uma empresa e isso também é observado na hora da certificação. A definição de qualidade pode ser entendida como um produto ou serviço perfeito, seguro e que atenda às expectativas e, principalmente, às necessidades do cliente.

A certificação de qualidade dos produtos e serviços atesta que a empresa está em dia com o quesito competência técnica e gerencial. Além da certificação formal, os clientes são os verdadeiros certificadores e estão cada vez mais interessados em saber da procedência e qualidade dos produtos consumidos e que irão usar no dia a dia. Por isso que, além da qualidade, perfeição e segurança, o consumidor quer ter a certeza de que a empresa é ética e cumpre com as normas estabelecidas, entre elas as ambientais e sociais e a empresa certificada mostra isso.

Um certificado de qualidade só traz benefícios: competitividade no que diz respeito aos produtos em conformidade com as normas técnicas; equipes comprometidas e que mantém a qualidade no topo; mede com eficácia a melhoria do negócio; permite inovar e desenvolver novas marcas e produtos; mais eficiência nos processos; reduz as perdas; melhora, em muito, a parte da gestão e, com isso, a tomada de decisão; a concorrência não certificada é melhor combatida; a imagem da empresa melhora com o processo; e mostra que seus produtos e serviços estão dentro do que exige a norma.

Segurança

Hoje, a segurança na informação ou em relação às pessoas, deve fazer parte das ações estratégicas da empresa, pois possibilita o melhor funcionamento desta. Falar de segurança é falar de dados e estes são poderosíssimos, sendo cada vez mais utilizados para alavancar os negócios da organização. Por isso que a segurança precisa estar “em dia” e será determinante em muitos casos como, por exemplo, no acesso aos dados do cliente, na hora de buscar uma informação sigilosa e, principalmente, naquele momento em que você lembra que as informações precisam ser usadas para suas estratégias de vendas.

As certificações buscam, no requisito segurança, mostrar que, ela não deve estar somente nos computadores, mas no espaço físico onde ficam os colaboradores, no material dos produtos vendidos, nos equipamentos utilizados pelos funcionários, na forma de entrega e colocação, entre outros. As empresas precisam estar adaptadas e prontas para que a segurança não seja uma dor de cabeça, mas uma maneira de tornar o negócio melhor do que ele já é, se for o caso. O empresário que não tem este cuidado está atrasado e muito. Por isso, além de se atualizar, o empreendedor precisa saber que a segurança é fundamental para os negócios. Por isso, cuidar é essencial.

Meio ambiente

Para ser certificada, a empresa precisa ter o Sistema de Gestão Ambiental (SGA) e este deve ser coerente e eficaz. Precisa estar dito como ela controla os impactos ambientais, economiza nos recursos, previne poluição e reduz riscos de acidentes. Essas ações, em dia, melhoram o planejamento, o controle e monitoramento do atendimento às regulamentações, diminui custos e multas indesejadas, as paradas na produção não mais ocorrem e os órgãos ambientais ficam satisfeitos.

Além de cumprir normas, a certificação leva à conscientização e respeito ao meio ambiente, e traz muitos benefícios para as empresas, conheça os principais:

  • Possibilita que as organizações demonstrem o compromisso sustentável e eficiente.
  • Certifica positivamente às organizações que trabalham a gestão de aspectos ou impactos ambientais.
  • Certifica o caminho de como os produtos ou serviços chegaram até a empresa e mostra que cumpriram as exigências de sustentabilidade e de proteção ambiental.
  • Valida e avalia os projetos que conduzem à redução das emissões de gases do efeito estufa.
  • Promove diversos serviços que protegem a biodiversidade e as florestas e também o uso de tecnologias inovadoras nas áreas ambientais.

Princípios éticos e morais

Os princípios éticos e morais estão se tornando essencial na vida de cada um e nisso está contemplado o setor empresarial. O portal Significados diz que ética é o nome dado ao ramo da filosofia dedicado aos assuntos morais. A palavra ética é derivada do grego e significa aquilo que pertence ao caráter. Podendo ser confundida com lei, embora, com certa frequência, a lei tenha como base princípios éticos.

Então se tem lei, tem norma ética e é aí que a certificação vai entrar. Os valores morais e éticos são analisados perante os colaboradores, clientes, comunidade e concorrentes. É preciso que a empresa siga uma ótima conduta, sustentável e honesta. Se ela é comprometida com a ética nos negócios ela, possivelmente, será admirada pelo consumidor e isso gera valor à marca, boa reputação, redução de desperdícios e aumento da produtividade.

A empresa certificada por ter princípios éticos e morais prova que está comprometida com os valores de toda a sociedade e mostra para os clientes que se importa com o meio ambiente, respeita as leis trabalhistas e segue com os negócios de forma sustentável.

Além do Programa de Excelência em Cercamentos – PEC, há outras certificações que podem ser pesquisadas, entre elas estão a ISO 9001 e ISO 14001 e a OHSAS 18001. Conheça mais sobre cada uma.

Gostou do artigo, ficou em dúvida? Acesse nosso site, além de outros conteúdos temos informações importantes. Ou, entre em contato conosco.

Escrito por:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *