3 dicas para fazer o gerenciamento de estoque na loja agropecuária

Publicado em 1 de fevereiro de 2023

O principal objetivo do gerenciamento de estoque na loja agropecuária é: ter o produto certo na hora certa. Afinal, o produtor rural, o pecuarista e outros compradores têm pressa para realizar suas atividades.

Por outro lado, a falta de controle nessa área da sua loja pode trazer prejuízos. Entre eles, quando os produtos vencem ou quando o cliente não encontra o que procura porque ele está em falta no estoque. O primeiro problema é o financeiro, mas depois, a sua marca perderá credibilidade.

A gestão dos produtos colabora com a evolução do negócio, permitindo melhores resultados em vendas e clientes. Esse cuidado vai influenciar até mesmo nas mídias sociais e no Google. Afinal, por lá os seus consumidores podem comentar sobre a experiência que tiveram.  

A importância do gerenciamento de estoque

A atividade agrícola é complexa. E há um novo hábito na vida dos produtores rurais focado no consumo. Cada vez, eles estão mais antenados nas práticas que vão gerar as melhores experiências durante uma compra. 

E a gestão do estoque pode te ajudar nisso! Por exemplo, com a prevenção de desperdícios, já que a não ociosidade dos produtos e a diminuição de custos são características que podem ser obtidas pelos lojistas que se dedicam a essa área.

Mas, o que é o gerenciamento de estoque em uma loja agropecuária? É o uso de métodos de administração e logística focado no acompanhamento e em análises das mercadorias. 

Dessa forma, é possível antecipar cenários de escassez e criar campanhas comerciais assertivas.

O objetivo é garantir que se tenha um bom fluxo e disponibilidade de produtos para sustentar a operação de vendas. Então, como fazer um bom gerenciamento do estoque? Confira as dicas abaixo.

Fazendo o gerenciamento de estoque na loja agropecuária

As produções rurais nunca param, sendo que precisam lidar com vulnerabilidades e imprevistos em várias situações. Assim, uma loja agropecuária com um estoque de produtos vai poder atender os seus consumidores de modo contínuo o ano todo.

gerenciamento de estoque na loja agropecuária capa Cercas Cattoni

Por outro lado, quem não tem o controle dos produtos estocados pode perder vendas, perder clientes e perder oportunidades de se tornar referência no seu mercado. Então, vale a pena considerar esses 3 passos iniciais para ter um estoque de produtos agropecuários.

1 – Planejamento

Antes de tudo, o planejamento. Qual é a sua meta de venda? A partir dessa pergunta inicial é que será possível traçar os próximos passos. Como é que você vai negociar com os fornecedores ou como fará nos períodos de escassez?

Além disso, onde os produtos serão estocados? Vários itens precisam de lugares arejados e secos para serem armazenados. Sem contar que, dependendo das mercadorias, elas vão tomar bastante espaço do seu ambiente. Ou seja, isso vai exigir estudo prévio.

E o planejamento será importante durante todo o ciclo. Ao iniciar as vendas já é necessário ir pensando nas novas compras, que podem ser antecipadas. Assim, o lojista acaba abastecendo o estoque e permitindo aos clientes as retiradas.

É no planejamento que se deve pensar no ciclo produtivo e na sazonalidade das compras estratégicas. O objetivo é o de não encher o estoque de produtos pouco procurados e nem ficar com falta daqueles que têm mais saída. Conhecer as entressafras é um diferencial.

Sobre os produtos que vai ter disponíveis na sua loja, o que pensou sobre isso? O ideal é pensar em um mix de produtos que seja estratégico. Dos acessórios da construção rural, como cercas, até mesmo os equipamentos de máquinas agrícolas e insumos.

2 – Organização

A organização se faz necessária porque une o planejamento de um estoque com a realidade dele. É um tema que envolve a capacitação e inteligência dos colaboradores para que se crie processos mais dinâmicos e mais assertivos.

Com a falta de organização será possível identificar os desperdícios, que podem custar muito caro para a loja, desde as finanças até a baixa produtividade. Por exemplo, considere que rações e vacinas podem vencer, isto é, chegar à data de validade e gerar prejuízos. Esse é um dos erros mais comuns na gestão do estoque.

A organização do estoque também passa por manter o lugar limpo, evitando pragas ou irregularidades. Se houver a venda de agrotóxicos, por exemplo, existem as regras de armazenamento apropriadas para eles.

É importante ter um espaço para o estoque, já que não é recomendado que ele fique dentro da área de vendas. O cliente precisa ter espaço para andar entre os corredores ou visualizar os produtos. A loja deve ser bem iluminada, também.

gerenciamento de estoque na loja agropecuária capa Cercas Cattoni

3 – Tecnologia

O futuro é tecnológico. E essa afirmação também se aplica ao agronegócio. O resultado é que cada vez mais temos soluções inteligentes sendo aplicadas no setor, o que gera movimentos como da Agricultura 4.0 ou da Agropecuária 4.0.

Quando o assunto é sobre o gerenciamento de estoque, a mesma ideia acontece. Assim, a tecnologia se torna opção viável, real e moderna para garantir a eficiência dos negócios. Um ótimo exemplo vem da criação de softwares de gestão agro.

Hoje, existem várias plataformas e aplicativos ligados a esse tema. Alguns permitem o acompanhamento completo das mercadorias, gerando relatórios importantes para descobrir o desempenho das vendas, a armazenagem, a logística, as notas fiscais e muito mais.

A tecnologia vai ajudar você a descobrir a demanda de cada produto e cliente. Assim, é possível que se tenha um lugar com mais produtos que possuem mais vendas e menos quantidades daqueles que são necessários, mas não vendem tanto.

O relacionamento com o fornecedor

Acima vimos todas as etapas importantes para criar um gerenciamento de estoque na loja agropecuária – do planejamento ao uso da tecnologia. A dica final é sobre a relação com o fornecedor, que deve ser um parceiro do seu negócio.

Em algumas situações será preciso fazer pedidos urgentes ou solicitar prazos de pagamento mais estendidos. Essa relação é importante para manter a saúde do estoque, especialmente no caso de lojas com estoque pequenos ou pedidos semanais.

A escolha do fornecedor para a sua loja agropecuária deve considerar requisitos. Entre eles, o cumprimento de prazos de entrega, a flexibilidade para atender demandas, os serviços personalizados, a credibilidade no mercado e o suporte técnico.

Entre em contato com o time de vendas da Cerca Cattoni.